Meu cachorro perdeu um dente – O que fazer

Meu cachorro perdeu um dente – O que fazer

0 Comments
veterinario limpando os dentes

A mudança de dentes decíduos para molares ocorre na vida do cão uma vez. Este processo ocorre de três a nove meses de vida do filhote. Se você encontrar um dente perdido em um cão adulto, precisará entender os motivos e iniciar imediatamente o tratamento. Como fazer isso?

Muitos donos de adultos e, mais frequentemente, cães idosos não prestam atenção à perda de dentes de animais, sugerindo que isso se deve à idade do animal. No entanto, não há conexão direta entre idade e condição da cavidade oral. Pelo contrário, os inúmeros problemas que se acumulam no corpo do cão são afetados.

spaniel tibetano na grama
spaniel tibetano na grama

Causas de perda dentária:

  1. Desnutrição – Alimentos sólidos devem estar presentes na dieta do cão: com sua ajuda, a cavidade oral é naturalmente limpa de restos de comida. Uma dieta que consiste apenas de alimentos macios (especialmente caseiros) melhora a formação de placas nos dentes, que eventualmente se convertem em tártaro. Este último é a causa da perda do dente.
  2. Falta de carregamento adequado da mandíbula – Paus e ossos não são apenas divertidos para o cão. Com a ajuda de brinquedos sólidos, é garantida a carga ideal na mandíbula do animal e seu desenvolvimento normal. Sem isso, os dentes ficam fracos, sua posição incorreta leva à formação de placa e pedra.
  3. Doenças orais – Estomatite, gengivite, periodontite e outras doenças são frequentemente a causa da perda de dentes em cães. Eles são acompanhados por inflamação e sangramento das gengivas, além de mau hálito.
  4. Doenças não orais – Os processos que ocorrem dentro do corpo também afetam a condição dos dentes. A perda de dentes pode ser uma consequência de doenças como deficiência de vitaminas, distúrbios metabólicos, doenças hepáticas e do trato gastrointestinal, bem como uma consequência da presença de parasitas.

O cão tem muitas razões para a perda de dentes, e é por isso que é extremamente indesejável tratar o animal de forma independente. Somente um especialista pode determinar a causa da doença.

Na consulta, informe o veterinário sobre a dieta, o conteúdo, o estado de saúde e os hábitos do animal.

cachorro com gengiva palida
cachorro com gengiva palida

Para evitar o problema de perda de dentes no futuro, preste atenção às medidas preventivas.Inscreva-se para receber dicas personalizadas sobre cuidados com animais de estimaçãoInscrever-se

Prevenção de perda de dentes

  • Inspecione seu animal de estimação regularmente, especialmente se você tiver mau hálito. Se você possui um cão anão (Spitz, Chihuahua, Yorkshire Terrier), esse exame deve se tornar um hábito para você. Acredita-se que esses cães sejam predispostos a doenças da cavidade oral.
  • Se você notar sangramento, doença gengival ou dentes soltos, consulte seu veterinário. Estes são os primeiros sinais de problemas com a cavidade oral.
  • Independentemente, limpe os dentes do cão da placa usando pastas especiais. É recomendável fazer isso diariamente, mas pelo menos 1 vez por semana.
  • Realize um exame odontológico em um especialista pelo menos duas a três vezes por ano.
  • Para garantir a carga na mandíbula, alimente o cão com alimentos sólidos, mime o animal com guloseimas e ossos. Não se esqueça das vitaminas: a dieta deve ser equilibrada.

Dentes saudáveis ​​para cães são uma questão de qualidade de vida animal. Perda de até 1-2 dentes pode afetar todos os processos no corpo. É por isso que é tão importante monitorar a condição da cavidade oral do animal e diagnosticar o problema a tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *