Caniterapia

Caniterapia

0 Comments
cachorro sendo ensinado

A canistoterapia é um método de reabilitação médica e social, utilizando cães especialmente selecionados e treinados.

História da Terapia Canina

O primeiro uso de vasilhas em larga escala ocorreu em 1792 em um hospital para doentes mentais na cidade inglesa de York. Os médicos descreveram que a condição dos pacientes melhora significativamente se houver cães próximos a eles. Depois de um tempo, esse fenômeno também foi observado pelos médicos da Cruz Vermelha em hospitais para os feridos durante a Segunda Guerra Mundial.

Em 1960, o psiquiatra infantil B. Levinson notou que as crianças são muito mais fáceis de fazer contato se deixarem seu próprio cachorro. Graças a essa observação interessante, a terapia com cães recebeu grande reconhecimento em todo o mundo e se tornou bastante ativa. Nos anos 90, o medicamento oficial da Rússia reconheceu esse método de tratamento.

Como os cães são treinados “para terapeutas”?

Ao selecionar “como terapeutas”, os especialistas prestam atenção principalmente às seguintes qualidades do cão: capacidade de aprendizado, simpatia, natureza calma, falta de agressão, timidez de sons agudos, movimentos bruscos. Em seguida, eles verificam se o cão permite tocá-lo, acariciá-lo e quão bem ele é treinado. Se o animal passar nesse teste, ele é ensinado às equipes principais, ensinadas a andar na coleira, acariciando estranhos, ensinadas a não ter medo de multidões.

Maltês brincando
Maltês brincando

No final dos cursos, o cão passa no exame, é inserido em um único registro, um certificado é emitido na forma de um cartão de plástico com um número pessoal e recebe o status de “ferramenta de reabilitação de cães”. Além disso, ele deve ter um identificador de microchip implantado, deve ser submetido a desparasitação e vacinação a tempo.

Bom amigo e “médico”

O principal objetivo da terapia canina é o desenvolvimento de emoções positivas e habilidades mentais. Este é o desenvolvimento de habilidades como comunicação, charme e simpatia. Amigos de quatro patas contribuem para a melhoria das funções motoras, habilidades motoras e condição física de seus donos.

Akita americano brincando
Akita americano brincando

O tratamento com canistoterapia é indicado para doenças emocionais: depressão, estresse, insônia, apatia.

Esses animais maravilhosos ajudam os idosos e as crianças. Ao mesmo tempo, eles se tornam não apenas um “médico” para eles, mas também um amigo leal, gentil e sinceramente amoroso, pronto para vir ao resgate a qualquer momento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *